Litoral AM 1320

Imagem

PMDB continua forte em Imaruí, diz Vando Cunha

Estamos trabalhando para substituir as lideranças e, inclusive, ampliar o quadro de filiados.

O recente afastamento de lideranças do PMDB de Imaruí não chegou a comprometer a união do partido e muito menos os planos de crescimento da agremiação com vistas às próximas eleições. Quem garante é o presidente da sigla no município, ex-vereador Vanderlei Cunha (Vando). Embora visivelmente contrariado com o procedimento dos ex-companheiros, o entrevistado garante já estar trabalhando para substituir as lideranças e, inclusive, ampliar o quadro de filiados.

Vando não fala em traição mas entende que houve no mínimo precipitação do grupo, justamente no momento em que o partido se prepara para assumir o governo do estado, com Eduardo Moreira, caso haja o afastamento do governador Raimundo Colombo, para concorrer ao Senado. “Convivi mais de 25 anos com Pedro e Elina Roussenq, logo não poderia esperar esse tipo de comportamento sorrateiro”, disse.

Segundo o atual chefe de gabinete do prefeito, a postura dos ex-companheiros nada tem a ver com a relação do partido com o prefeito Rui José (PSD), até porque este tem sido correto no cumprimento de tudo que foi combinado na ocasião da coligação de ambos os partidos na última eleição. “A postura do grupo dissidente não significa o pensamento do diretório do partido, mas uma posição isolada de um grupo que ainda não conseguiu justificar o porque de ter abandonado a sigla”, pondera.

Reiterando sua estranheza com a postura anunciada pelos ex-pemedebistas, Vando lembra que sempre houve uma relação aberta e de diálogo no seio partidário, logo não há como entender aquela postura. “Todos fomos apanhados de surpresa e a falta de qualquer diálogo nos deixa perplexo, até porque todo o espaço que o grupo venha a procurar em outra sigla poderia encontrar conosco, assim a postura foi totalmente sem sentido. Houve no mínimo falta de consideração”, acentua.
Vando, que participou do Jornal Litoral, da Rádio Litoral, disse já ter recebido contato do presidente estadual da sigla, deputado Mauro Mariani e o deputado federal Edinho Bez, ambos reiterando o proposito de fortalecer a sigla e prepara-la para as próximas eleições estaduais. Sobre a escolha do novo diretório local, Vando pensa que poderá ser candidato novamente, inclusive batendo chapa se for o caso. De qualquer forma, fortalecer o PMDB sempre foi o nosso propósito e nada mudou, afinal, o que não nos derruba nos fortalece”, encerrou.

Matéria: Danilo Gomes.

Compartilhar esta notícia

Notícias Relacionadas

0 comentário(s)

Faça o seu login ou cadastre-se para comentar!