Litoral 90.9 FM

Imagem

Reajuste de passagens de ônibus será inevitável diz Rosenvaldo Jr.

Prefeito anunciou também as novas alterações no projeto do acesso norte, com espaço para pedestres e ciclistas.

O prefeito Rosenvaldo Júnior (PT), de Imbituba, esteve esta semana nos estúdios da Rádio Litoral, no programa Jornal Litoral. Ele admitiu a possibilidade de reajuste nas passagens de ônibus nos primeiros meses de 2018, ao mesmo tempo em que confirmou as alterações no projeto de conclusão do chamado acesso Norte, de ligação da BR-101 com o Porto. Também comemorou o fato de estar com as contas municipais em dia, apesar das dificuldades econômicas por conta do apertado orçamento financeiro de 2017.

Já para o próximo ano, segundo Rosenvaldo, a expectativa é de que todos os projetos sejam realizados, porquanto o orçamento municipal elaborado este ano permitirá que a administração possa ser mais flexível nas despesas municipais. O prefeito, que nasceu em Imaruí, quando seu pai Rosenvaldo da Silva era médico na cidade, também comemorou a prática de uma administração mais enxuta, segundo ele, inclusive corrigindo erros e vícios costumeiros da máquina pública.

Sobre o reajuste das passagens de ônibus, o município está estudando alternativas para corrigir distorções e déficits verificados nas contas da empresa concessionária, há praticamente dois anos sem reajustar as tarifas, inclusive demitindo funcionários. Um dos motivos dessa situação, na avaliação do prefeito, é a questão da gratuidade no transporte coletivo, situação que também deverá ser revista. Para isso, o prefeito pretende ampliar a concessão do vale transporte aos servidores e outros, além de garantir o retorno da Área Azul.

O sistema de estacionamento pago, diz Rosenvaldo, poderá ajudar a subsidiar passagens pelo Vale Transporte, para servidores, deficientes e idosos, entre outros. Essas alternativas, segundo o entrevistado, deverão ser adotadas antes do reajuste das passagens, mesmo assim acredita que o reajuste será inevitável, diante dos elevandos custos já confirmados pela empresa. Porém, garantiu que pelo menos até o final do ano não haverá reajuste nas tarifas do transporte coletivo de Imbituba.

Ao falar da ausência do vice-prefeito na administração municipal, Rosenvaldo reconheceu que Zaga da Inkor é uma liderança importante do PMDB com a qual o município tem contado, principalmente na hora de buscar recursos para o município. "Esperamos que ele continue ajudando o município e esteja mais presente daqui para a frente", acentuou. O prefeito diz ter certeza de que Zaga estará presente quando tiver que contribuir para a administração. Falou também sobre a questão da salinização da água na cidade, situaçlão que, segundo ele, está sob controle.

Para Rosenvaldo a questão da salinização da água consumida pela população tem sido uma preocupação da administração municipal, considerando que o vento sul fez a maré subir, aumentando a salinização na captação do Rio Duna, deixando a captação parada no final de semana, o que gerou excesso de salinização. Já segundo o coordenador do setor, João Batista Alano, a captação foi retomada dentro dos parâmetros da agência reguladora. De outro lado, houve melhoria na barragem e feita uma extensão para captar água mais acima do atual local de captação, próximo a uma cachoeira na área."Trata-se de um fenômeno climático que nada tem a ver com a gestão do setor, considerando que inclusive a própria Casan já enfrentou a mesma dificuldade", disse o entrevistado.

Sobre o Acesso Norte, o prefeito Rosenvaldo Junior lembrou que, por entraves burocráticos a obra esteve parada mas já foi retomada com algumas alterações. Serão implantados locais exclusivos para pedestres em ambos os lados da via, bem como uma ciclofaixa em espaço separado por taxões, na própria pista principal. Os contratempos foram decorrentes de equívocos no convênio que viabilizou o acesso, levando inclusive a empresa a abandonar a obra, como forma de pressão por pagamento. O passeio para pedestres será feito em parte com pavimentação e outra parte apenas aterrada, nos moldes anteriores à obra.

Matéria: Danilo Gomes

Compartilhar esta notícia

Notícias Relacionadas

0 comentário(s)

Faça o seu login ou cadastre-se para comentar!