Litoral 90.9 FM

Imagem

Beto do Zé Neide quer nova empresa no transporte coletivo de Imbituba

O vereador tem se mostrado intransigente defensor de matérias de interesse da população.

Se depender do vereador Gilberto Pereira (Beto do Zé Neide), PR, a empresa do transporte coletivo de Imbituba ainda terá muita dificuldade para conseguir reajustar as tarifas do setor na cidade. O vereador, cuja principal base eleitoral é Araçatuba, conta com o apoio do Ministério Público local, que já acenou com a possibilidade de abrir licitação para permitir a participação de outras empresas na prestação do serviço.

Embora tenha uma boa relação com o prefeito Rosenvaldo Junior (PT), cujo trabalho Beto do Zé Neide diz admirar, o vereador está trafegando na contramão do pensamento do chefe do Executivo, que tem se mostrado sensível às reivindicações da empresa concessionária do transporte coletivo. Rosenvaldo reconhece a legitimidade das reivindicações da empresa, embora prefira deixar o assunto para o Legislativo resolver.

Segundo o vereador, que tem se mostrado intransigente defensor de matérias de interesse da população, não há como permitir a continuidade da concessionária. Para ele, os serviços deixam a desejar, na medida em que os horários de ônibus foram reduzidos, há menos veículos a disposição do usuário, além do precário estado de conservação dos ônibus colocados à disposição da comunidade de Imbituba.

O representante do PR (Partido da República), que concedeu entrevista ao Jornal Litoral, da Rádio Litoral, de Imaruí, mostrou indignação com o estágio atual da prestação de serviço na área do transporte coletivo. Segundo ele, nas condições atuais e com a precariedade do serviço, nem o Ministério Público nem a Câmara de Vereadores concordarão com os reajustes pretendidos. “O mais sensato, diz Beto do Zé Neide, é abrir nova concessão para que Imbituba receba empresas que se comprometam com maior qualidade aos usuários”.

Além de estar empunhando a bandeira da melhoria do transporte coletivo em Imbituba, o vereador republicano tem recebido inúmeras manifestações pela autoria da lei que criou a Semana Municipal de Prevenção ao Aborto em Imbituba. Segundo o vereador, a semana alusiva ao tema tem por finalidade informar, conscientizar e orientar as pessoas sobre a violência contra a vida da mãe e do bebê em formação.

Gilberto Pereira enfatizou finalmente, que a implantação da semana educativa sobre o aborto não significa qualquer aumento de gastos do Poder Público, se não aqueles já previstos no Orçamento Municipal. O vereador propositor do PL aprovado no Legislativo finalizou agradecendo ao prefeito Rosenvaldo Júnior por se posicionar favorável a implantação da semana, comemoração já incorporada ao calendário oficial de eventos do Município.

Matéria: Jornalista Danilo Gomes.

Compartilhar esta notícia

Notícias Relacionadas

0 comentário(s)

Faça o seu login ou cadastre-se para comentar!